Certificação Gemologica

Perguntas Frequentes

Pedras Preciosas, Cuidados & Curiosidades

Atendimento ao Cliente

Sites Relacionados

© SUELLEHARTS. 2018

GRG Swiss - Laboratório de Gemologia

Investir e Poupar em Pedras preciosas, diamantes, objetos de art. A solução mais segura para proteger o seu patrimônio. Garantindo a herança para as futuras gerações da sua família

– PEDRAS PRECIOSAS

 

Ou seja, uma outra pedra preciosa dentro do diamante. No certificado gemológico que acompanhava o diamante, aparecia como referencia a granada interna o termo de “inclusão”. Na ocasião, e eu não sei exatamente dizer se a minha reação foi de admiração e espanto, mas quando eu vi este cristal do vermelho mais puro dentro do diamante, no mesmo momento me veio a visão de ter encontrado o diamante mais raro do mundo, um diamante que possuía um coração! Logo eu disse: esse diamante é o diamante mais romântico que já veio a existir. Um diamante com coração. Eu não pude resistir a tanta beleza e a partir deste momento eu soube, que eu poderia tentar talvez seguir outras carreiras, mas definitivamente eu estava destinada a viver inspirada pela preciosidade das gemas naturais.

Para mim, as gemas de cor sempre representaram o meu símbolo pessoal de valor. Foi a influência dessas obras prima da natureza que me fez conhecer a fundo a definição de beleza. Eu sempre achei intrigante a idéia sobre os valores por trás de uma gema pura de cor. Quando eu era ainda muito jovem, eu já possuía o hábito de trabalhar no processo de criação de joias. Eu já havia obtido contato com as mais belas e variadas formas de cristais, mas foi o meu contato inusitado com um diamante de cor, extremamente raro me fez perceber que esse diamante além da sua forma cristalina perfeita também possuía uma granada em seu interior. 

“ Doces lembranças são como joias preciosas... tesouros que o brilho não se apaga com o tempo...”

– AS CORES MARCANTES DE UMA PEDRA PRECIOSA. 

 

Foi em um belo dia ensolarado, minha mãe diz que eu não tinha mais que cinco anos de idade, quando recebi em minhas mãos a pedra mais radiante que eu já havia visto. A gema possuía uma cor rosa, elétrica, e um brilho sem igual. O meu nervosismo foi imenso, eu temia que ela escapasse das minhas mãos, e que pudesse cair e quebrar-se. eu era muito pequena, mais essa imagem ficou marcada em mim para sempre. Nesse dia eu entendi que aquele tesouro que nas palmas das minhas mãos chamava-se topázio, e que ele havia brotado do solo, e que eu não precisava temer, pois esse era um cristal verdadeiro e que não quebraria facilmente. Uma pedra quase que indestrutível. Ate o dia de hoje eu me pergunto, se foi neste dia, em que eu iniciei a minha saga em busca da das pedras preciosas!

Topázio Rosa Intenso, peso estimado de 160 quilates, com valor de mercado medio de $509 dólares americanos per quilate”  

​— Item de coleção privada.

O Valor do topázio depende de um fator muito importante. A clareza e o tamanho têm um efeito significativo no valor dos topázios, mais o fator cor, é crucial para a determinação do seu valor no mercado internacional. 

 

Os valores mais altos vão para as raras pedras rosa e vermelha, em seguida, laranja e amarelo. O topázio de laranja avermelhado e intenso às vezes é chamado de "topázio imperial". As pedras amarelas, laranja e marrom são algo comuns. Já os topázios incolores são comuns e são gemas de baixo valor em qualquer tamanho. Portanto a intensidade da cor de uma gema é um fator imprescindível na determinação do valor da gema

Os 4 Fatores que Determinam a Qualidade de uma

Pedra Preciosa

Assim como os diamantes incolores, as pedras preciosas também são avaliadas de acordo com os quatro fatores, os 4Cs (Color, Cut, Carat and Calarity). Na tradução portuguesa os 4 fatores são: Cor, Lapidação, Peso por quilate e Claridade e o fator adicional Raridade (Rarity)

 

–  FATOR 1: COR

 

A cor é outro fator altamente impactante no momento de determinar o valor de uma pedra preciosa. Quanto maior for a intensidade ou saturação da cor, provavelmente essas gemas receberam a ratificação de padrão de cor como excelente e de boa qualidade o que implicara diretamente na supervalorização da pedra, aumentando o valor da gema. Para gemas que sofreram algum tipo de interferência humana, ou seja, alguma forma de tratamento, o valor da gema será menor com relação a uma pedra pura. Dependendo do nível e relevância do tratamento, os valores podem oscilar, mas a pedra manterá o seu valor, sendo importante ressaltar, que o tratamento deve ser especificado no reporte gemológico para determinar o valor da pedra. Onde os preços são gerados com base na oferta e na demanda de procura do mercado local.

–  FATOR 2: LAPIDAÇÃO

 

Não há parâmetros ou diretrizes de lapidação a serem rigidamente seguidas, como existem com os diamantes. As proporções de lapidação aplicadas a pedras preciosas são avaliadas e estabelecidas de acordo com o processo de procura e demanda ditado pelo comércio internacional, onde, somente proporções de tamanho (quilate) ou tipo de cristal não são a grande prioridade no momento de determinar o valor da pedra preciosa, com exceção, do nível de raridade. Pois antes de priorizar o quilate ou o tipo do cristal, é lapidação que vai determinar a vida da gema preciosa. Pois uma lapidação perfeita e bem aplicada, alarga a entrada de luz no cristal, dessa forma, aumentando a visibilidade da cor e das características da pedra preciosa

 

–  FATOR 3: PESO POR QUILATE

 

O peso (quilate) de uma pedra preciosa é um dos fatores mais relevantes no preço de uma gema lapidada de qualidade. Gemas de grandes dimensões e de boa qualidade não são comuns, devido a sua raridade, os preços dessas gemas são altamente elevados, mesmo quando comparado a gemas de qualidade semelhante ou igual, porem com tamanhos menores. A diferença entre valores aumenta evidentemente na medida que o tamanho da pedra preciosa aumenta.

 

Em qualquer pedra preciosa, a clareza refere-se à presença ou ausência de defeito externos ou internos (inclusões alojadas dentro da gema lapidada), que são visíveis através de uma lupa com magnificação 10x, praticamente imperceptível a olho nu, mas comumente perceptível aos olhos treinados de um gemologista. No caso de gemas de claridade transparente, ou seja, gemas que não são transluzentes ou opacas, são consideradas os seguintes níveis e subníveis:

 

NÍVEIS:                                 

Excelente                               

Bom                                      

Médio                                  

Baixo                                    

Qualidade Industrial                

–  FATOR 4: CLAREZA

SUBNÍVEIS:

Livre de Inclusões

Com Inclusões Leves

Com Inclusões Médias

Com Inclusões Densas

Com Inclusões Excessivas

 

 

 5º FATOR: RARIDADE!

 

–  FATOR 5: RARIDADE

E é por isso que é imprescindível comprar joias com valores e significância que vão além da aparência. Beleza e valor têm que estarem agregados para fins de investimento não só na sua aparência mas para a segurança e futuro das próximas gerações. É fundamental comprar joias com gemas de primeiro grau. As pedras comerciais de baixo custo são essencialmente inúteis: elas sofrem de cor ou clareza medíocres, e geralmente são mal lapidadas, sem brilho e qualidade. Já as pedras finas, distinguem-se por cores vivas, intensas, claridade notável e excelente corte. Compre o melhor que pode pagar pois isso não é uma compra, mas uma das formas mais seguras de poupar as suas riquezas, sempre tendo em mente que este é dinheiro não gasto, mas sim investido no futuro de sua família. 

“ Joias preciosas são tesouros que o brilho não se apaga com o tempo”